quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Adaptação de aspirador de pó para marcenaria.

Olá amigos, trago para vocês esta interessante idéia, que poderá ajuda-los a ter seu aparelho de aspiração, tornando sua marcenaria mais limpa e ecologicamente correta. Trata-se de uma tradução-interpretação, feita de um tutorial polonês postado e já traduzido, para um fórum italiano, cujo endereço é: http://www.il-legno.it/ . É sobre a adaptação para aumento da capacidade de um aspirador de pó doméstico, para ser utilizado em uma marcenaria. Uma idéia simples e por isso mesmo, genial. Mas, vamos ao que interessa. A intenção do projeto, é adaptar um modelo de aspirador de pó doméstico existente, a um recipiente plástico de maiores dimensões, aproveitando apenas o equipamento de sucção. Isto deve aumentar a capacidade de armazenamento do aparelho. Foto 1- O aspirador, que o autor Nick (Polonês) chamou de R2D2, em alusão ao versátil robozinho da saga de Guerra nas Estrelas (Star War), é baseado neste modelo, também encontrado no mercado local (similares). Foto 2- Aqui está o aparelho desmontado, mostrando a cabeça com o motor de sucção e todo o equipamento de filtragem. No centro está o corpo do aparelho, cujo fundo foi removido. Foto 3- De posse do aparelho, vamos atrás do recepiente plástico que encontramos destes de 50litros em casas que vendem recepientes usados. Temos que recortar a tampa na dimensão certa para embutir a base do aparelho. Faça isso com um estilete ou faca com lâmina bem afiada, depois lixando as rebarbas que ficarem. Note que foi adaptado rodíxios no fundo do tonel, para facilitar seu movimento na marcenaria. Foto 4- Como elemento filtrante, utilizaremos uma tela composta de TNT- Tecido Não Tecido, de malha larga ou uma tela, que faça o mesmo efeito com malha aproximadamente igual a 1/16” Foto 5- Adaptamos um tubo plástico de 40mm (esgoto ou água) de maneira que fique instalado tangencialmente ao eixo do recipiente. Esta providência irá provocar o efeito turbilhionamento, necessário à decantação do pó. A vedação é feita com massa durepox tomando cuidado para que fique bem firme e vedada, para evitar a perda de força do vácuo. Foto 6- A adaptação do tudo de tomada, agora visto por dentro do recipiente, a mostrando a instalação tangencial (importante) ao eixo do tambor. Foto 7- A tela de TNT, entra na tampa do recipiente, em contato direto com a base do aparelho. Foto 8- Aqui o aparelho já assentado sobre a tampa do recepiente. Provavelmente apenas o peso próprio do aparelho, é suficiente para vedar. Mas chamamos a atenção de que esta vedação deva ser o mais perfeita possível, para não diminuir a eficiência de sucção. Sugerimos que se utilize borracha de silicone para esta finalidade. Foto 9- Mais uma foto mostrando o aparelho assentado sobre o recipiente. Notese que não parece que o autor tenha utilizado algum artifício de vedação, que não seja o simples apoio do aparelho sobre o recipiente. Observe que foram instalados rodízios no recipiente plástico, para facilitar sua movimentação dentro da oficina. Acreditamos que tenham sido colados ao fundo com borracha de silicone, por exemplo. Foto 10- Aqui o autor mostra o resultado da filtração. Foto 11- Mais uma imagem do filtro, após a retirada do aparelho de sucção. Foto 12- No fundo do recipiente, o pó de serragem já decantado e pronto para remoção. Fonte://ww.scribd.com

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

  1. 1
    Leve o sofá para fora de casa, se possível. Caso não seja uma opção, coloque jornais ou folhas de plástico para aparar o resíduo de mofo.
  2. 2
    Vista a máscara, as luvas e os óculos de proteção. Os esporos do mofo podem causar problemas de saúde, então certifique-se de se proteger.
  3. 3
    Utilize a escova para raspar, gentilmente, o máximo de mofo que conseguir. Uma escova de náilon deve funcionar; mas tenha cuidado para não usar uma escova que seja muito dura, pois elas podem danificar o tecido.
  4. 4
    Aspire a área com o aspirador de pó para tirar mais esporos de mofo. Jogue fora a sacola ou esvazie o recipiente do aspirador o mais rápido possível. Quanto mais rápido o mofo for retirado da sua casa, melhor.
  5. 5
    Seque o sofá na rua, permitindo que o ar seque naturalmente, ou coloque um ventilador perto dele, para que o ar circule pela sala.
  6. 6
    Inspecione visualmente a área e fique atento para qualquer sinal de resíduo do mofo ou manchas. Às vezes, o sol mata o mofo por conta própria.
  7. 7
    Misture partes iguais de água e álcool isopropílico e mergulhe um pano limpo para retirar os resíduos de mofo e as manchas.
  8. 8
    Esfregue a área com o pano até que não haja mais sinais do mofo.
  9. 9
    Novamente, permita que o sofá seque ao vento ou coloque o ventilador perto para ajudar a secar mais rápido.

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

CUIDADOS COM OS TAPETES

Um tapete pode transformar um ambiente, dando um toque aconchegante e colorido à casa ou representando sofisticação e bom gosto. Mas para que seus tapetes se mantenham bonitos e com viço é necessário um tratamento especial. Descubra como cuidar de cada tipo de tapete para que se mantenha bonito por mais tempo. Uma dica: o capacho na porta de entrada retira o excesso de sujeira dos sapatos e ajuda a proteger seus lindos e caros tapetes. Persa Mancha com facilidade devido à grande quantidade de cores e também à descontinuidade dos fios. Portanto, a manutenção dever ser simples. Use aspirador de pó quinzenalmente. Em excesso, a sucção do aspirador desgasta a lã. Dê preferência às vassouras de pêlo macio. Para conservar a cor, escove-o com um pano umedecido em uma solução de ¾ de água e ¼ de vinagre com um pouco de amaciante para o vinagre não ressecar o tapete. A escovação deve ser feita sempre a favor dos pêlos. Tenha cuidados especiais com urina e produtos de limpeza como varsol e carpex, que mancham o tapete. No caso da urina retire o excesso com papel toalha e depois passe um pano úmido. Nunca use vaporeto Nunca coloque-o na água ou em qualquer solução. Uma vez lavado incorretamente, o tapete mancha para sempre. A lavagem e o tratamento de manchas devem ser feitos em uma lavanderia especializada. Kilin e arraiolo Devem ser limpos com vassoura de fibra sintética maleável. Aspirador de pó só pode ser usado quinzenalmente. Para tirar resíduos, use pano umedecido com espuma de sabão neutro. Secar ao ar livre ou em local bem arejado. Náilon Esse material é bem resistente e deve ser limpo da mesma forma que o carpete. No dia-a-dia, use aspirador de pó com o bocal liso ou com vassoura de fibra sintética maleável. Produtos químicos como varsol devem ser usados com moderação. Sisal O sisal é uma fibra natural e resistente, mas não suporta bem a umidade. Se precisar limpar alguma substância que houver caído sobre ele, primeiro remova o excesso, sem fazer pressão ou esfregar. Depois passe um pano umedecido com um produto de limpeza suave (sem cloro). Logo em seguida use um secador de cabelo. Se preferir, mande impermeabilizar seu tapete. Passe o aspirador de pó apenas uma vez por semana para evitar a descoloração e o desgaste natural da trama. Como o sisal mancha e embolora facilmente, quando for indispensável lavá-lo, recorra a uma empresa especializada. Couro e pele O tapete de couro é bem resistente. Para a manutenção em casa, recomenda-se o uso de produtos apropriados, como o Stanley, e não o pano úmido. Nos tapetes de pele, use o aspirador de pó com bocal liso, pois os fios não soltam com facilidade. Para retirar o excesso de sujeira, sabão neutro. E lembre-se: os materiais naturais precisam estar bem secos para não embolorar. Não hesite em usar o secador e deixe-os sempre em lugares arejados, para evitar o mau cheiro. Nobuk Por tratar-se de um material muito delicado, o tapete deve ficar num local de pouco movimento: evite corredores e entradas. Para a manutenção é recomendado aspirador de pó ou escovinha com cerdas delicadas (semelhante à que se usa em casacos de lã). Passe apenas uma vez por semana para evitar descoloração e o desgaste natural. Algodão Esse tipo de tapete solta fibras nas primeiras semanas, o que é normal. A limpeza diária deve ser feita com aspirador de pó com o bocal liso ou com vassoura de fibra sintética maleável. Tear manual A combinação de fibras diferentes -- como sisal, algodão, rami, juta e lã - é muito comum. Por isso recomenda-se lavar o tapete apenas em casas especializadas. A limpeza diária deve ser feita com vassoura de fibra sintética maleável, que é menos agressiva que as outras. Use aspirador de pó no sentido paralelo à trama, sempre com o bocal liso. Nunca use limpadores a vapor. Se preferir, mande impermeabilizar seu tapete para deixá-lo mais resistente. Tecido A lavagem deve ser feita apenas com sabão neutro e água deixando secar à sombra. Não coloque na máquina de lavar. Fonte://riototal.com

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Limpeza do chão: melhor varrer ou passar aspirador de pó?

Limpar a casa diariamente evita que o acúmulo de sujeira faça você perder horas de seu final de semana fazendo faxina. Para otimizar seu trabalho diário de varrer e passar um pano úmido no chão, siga as dicas a seguir. Para manter a limpeza da sua casa, em espaços reduzidos é possível varrer e passar pano de chão em menos de meia hora. Concentre-se em um cômodo por vez. Todos os objetos do chão devem ser retirados para facilitar o trabalho de varrer e passar pano. Para limpar os carpetes, varra contra o sentido das fibras e retire toda a poeira, depois varra ao contrário – seguindo o sentido das fibras – para deixá-lo mais bonito. Se preferir usar aspirador de pó no lugar da vassoura, escolha uma tomada que esteja no centro de sua casa para ligá-lo. Aspire o que alcançar dali, corredores, áreas comuns e o centro das salas. Isso diminui o tempo gasto com essa tarefa. Não exagere no uso de produtos químicos de limpeza. O efeito pode ser contrário, já que a química presente nesses produtos pode danificar seu piso. Se a limpeza de sua casa é feita com frequência, não há motivo para usar grandes quantidades de produtos de limpeza. Escolha um cômodo por semana para realizar uma limpeza mais completa. Assim você cria uma rotina constante de faxina e de manutenção ao mesmo tempo. Varrer ou passar aspirador de pó? A vassoura possui a vantagem de ser silenciosa. Entretanto, ela não é muito eficiente para retirar cabelos e pelos de animais. Além disso, a poeira mais fina é levantada ao ar, depois essa poeira desce, e é aí que entra o pano de chão para finalizar a limpeza. Os aspiradores de pó devem substituir as vassouras se houver animais domésticos em casa, pois tornam a limpeza de pelos, cabelos e migalhas muito mais eficaz. Eles também são excelentes para limpar carpetes, cortinas, armários e sofás. Em casas de fácil manutenção da limpeza, o uso do aspirador faz com que passar o pano de chão seja dispensável na maioria das vezes. Você pode restringir o uso do pano úmido a duas ou três vezes por semana. Fonte://moveisprimavera.com

domingo, 20 de outubro de 2013

A importância de um aspirador de pó

Ácaros Para manter os ácaros longe do quarto dos seus filhos, não se esqueça de sempre que for trocar as roupas de cama, pelo menos uma vez por semana, passar o aspirador de pó nos colchões e estofados. Só assim você retira todo o pó que é o habitat desses bichinhos pequenos, mas perigosos. Outra boa dica é usar fronhas e protetores de colchão impermeáveis. Assim, uma vez por semana, limpe-os com um pano úmido, lavando com água e sabão neutro. Quando estiver sol, aproveite para deixar o colchão e os travesseiros arejando, uma vez ao mês - Assim, você também acaba com a umidade que também atrai os ácaros. Fonte: Mães.consul

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Por que ter um aspirador de pó?

Alergias Pesquisas mostram que hoje em dia, 30% das crianças no mundo sofrem de algum tipo de alergia. Assim, a melhor coisa a fazer é prevenir desde pequeno para impedir a doença de se manifestar. Uma casa limpinha e livre de poeira e mofo é essencial para manter esse mal longe dos seus filhos, e o jeito mais fácil e garantido de deixá-la brilhando é lançando mão de um bom aspirador de pó, que retira o pó não só do piso, mas de estofados, cortinas, prateleiras, camas e colchões, prateleiras e todos os cantos e frestas, e evita que você entre em contato direto com a sujeira. O aspirador precisa ter boa potência, filtros de ar e tipos de bocal diferente para cada função. Fonte:Mães.consul

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Filtros HEPA para aspiradores e alergias

Muitos aspiradores vendidos atualmente oferecem um recurso relativamente novo: os filtros HEPA (em inglês, High Efficiency Particulate Air). Esses filtros são constituídos de fibras totalmente entrelaçadas capazes de reter aquelas minúsculas partículas que os outros aspiradores não conseguem. Os filtros Hepa conseguem capturar partículas de apenas 0,3 mícrons, mas somente quando são instalados pelo fabricante. Esses filtros requerem uma boa engenharia e precisam estar muito bem vedados para que a poeira e a sujeira (e o ar que as carregam) não encontrem caminho algum para escapar – como por exemplo uma rachadura no próprio selo. Além disso, aspiradores dotados de filtros HEPA precisam ter mais potência de sucção, por isso se você inseriu o filtro em um aspirador mais antigo, o resultado ainda deixará muito a desejar. Então, terminando a nossa conversa, para aquelas pessoas que sofrem com alergias, a melhor aposta é um aspirador de qualidade e com filtros HEPA. Embora os custos iniciais e de manutenção sejam maiores (os filtros HEPA precisam ser trocados anualmente), os resultados valem à pena. Fonte://HowStuffWorks Brasil

domingo, 13 de outubro de 2013

Saiba tudo sobre aspiradores de pó

Aspirador é tudo igual, é só ligar e passar pelo chão que a casa fica limpa?, é o que pensa muita gente enganada. A verdade é que pra cada uso há um tipo de bocal diferente para fazer a limpeza corretamente, é preciso observar o tipo de aspirador, a potência, em alguns casos até mesmo um aspirador específico. Bocal para cantos e frestas: para a limpeza dos cantos de paredes e frestas, muitos aspiradores de pó vem equipados com bocais próprios opcionais. São ideais para retirar aquela sujeirinha dos rodapés, dos cantos da sala, teias de aranha do teto, normalmente com uma mangueira maior que também vem com o aparelho. Bocal multiuso: como o próprio nome diz, servem para várias tarefas, normalmente as limpezas comuns, ?do dia-a-dia?, limpar o carpete, o tapete, aspirar à sala. Bocal para tecido: menos agressivo que os demais para não estragar as fibras das roupas. Ideal para limpar as roupas que passam muito tempo no armário, retirar mofo e traças. Bocal para pisos: projetado para pisos frios, porcelanato e pisos flutuantes. Também podem ser usados em carpetes e tapetes. Tem proteção especial nas bordas para não causar arranhões no piso. Bocal escova: o melhor para a limpeza de tapetes e carpetes, pois enquanto aspira o pó, retira as linhas e fios de cabelo que se escondem nas fibras do tapete. Bocal de estofados: tem pequenas escovas nas bordas, menos resistentes que as para tapetes e mais resistentes que as para tecidos. Elas ajudam na retirada de resíduos das fibras, poeira, cinza de cigarro, cabelos, tudo que se embrenha nas fibras e que sem a escova a sucção não seria suficiente para retirar. Fonte://magazineluiza

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Como funciona o aspirador-robô

Há pessoas que limpam a casa uma vez por semana e outras que limpam quando os parentes aparecem. A finalidade do aspirador robô engloba as duas situações: a casa é melhor cuidada com uma mínima intervenção humana.
Hoje em dia, os aspiradores robô estão muito além dos primeiros modelos, que você tinha que ficar procurando pela casa toda, de forma lamentável - até encontrá-lo bipando: "estou sem energia". Os produtos mais recentes limpam sua casa, lembram do layout para aumentar a eficiência, eliminam sua própria sujeira em um receptáculo e encontram seu caminho de volta para a estação de carregamento para que possam ser recarregados.

o Roomba Red
Foto cedida por iRobot
Roomba Red
 A maioria dos fabricantes diz que o aspirador robô surgiu para complementar o aspirador padrão, empurrado pelas pessoas, e não substituí-lo. Eles servem para realizar retoques diários ou semanais para manter sua casa limpa entre os períodos de uso do aspirador normal. Do mesmo modo, se você é uma pessoa que não tem o costume de usar o aspirador, um pouco de ajuda robotizada pode certamente manter o seu piso mais limpo do que está agora e você não terá que mover um dedo.
 Sem dúvida, o aspirador robô mais popular nos Estados Unidos é o Roomba, da iRobot, que apresenta vários modelos
 
Carpete Inteligente
As empresas alemãs Vorwerk e Infineon se uniram para produzir o protótipo de um carpete que funciona em conjunto com um aspirador robô. O lado inferior do carpete é preenchido com etiquetas RFID e o aspirador é equipado com um leitor de RFID e com um mapeador digital das localizações RFID do carpete. As etiquetas direcionam o aspirador em volta do cômodo para cobertura completa e podem dizer a ele para limpar novamente uma área específica se ele não gastou o tempo necessário naquela área.
 Fonte:
Julia Layton - traduzido por HowStuffWorks Brasil
 
 

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Materiais secos

Materiais secos

Aspiradores de pó industriais e sistemas centralizados de vácuo para materiais secos

A aspiração por alto vácuo pode ser usada para limpeza e transporte de material abrasivo ou de grande volume, como cavacos de madeira e limalha metálica. São aspiradores móveis e sistemas centrais por vácuo robustos e potentes, construídos para aplicações rígidas em indústrias pesadas. Alguns produtos podem ser combinados com ciclones de alta eficiência e pré-separadores que criam um sistema de limpeza potente.
Nossos aspiradores industriais e nossos sistemas centrais por alto vácuo destinam-se a trabalhos industriais em ambientes pesados onde as demandas de equipamentos resistentes, confiáveis e de alto desempenho são da máxima importância.

Fonte://Nederman